Dr Ever Rodriguez foi presidente da sessão: Retina Uveites no Congresso de Retina 2018

O Dr Ever Ernesto Caso Rodriguez membro da Sociedade Brasileira de Uveite e Retina participou do 43 Congresso de Retina 2018 da Sociedade Brasileira de Retina e Vitreo (SBRV) realizado na cidade de Foz de Iguaçu em Abril 2018.

O congresso de retina, um dos mais importantes eventos do calendário da oftalmologia no Brasil e America do Sul, contou com a participação dos melhores especialistas em retina , apresentando casos desafiadores e novas informações cientificas. No evento o Dr Ever Rodriguez foi presidente da sessão Retina&Uveites .

Confira essa e outras informações na nossa  página do Facebook.

DIA NACIONAL DE LUTA CONTRA QUEIMADURAS!

dia nacional da luta contra queimaduras
6 de junho luta contra queimaduras

A gravidade das queimaduras oculares está diretamente relacionada com o tipo, a quantidade do agente agressor, a extensão e a profundidade da lesão ocular. O prognóstico de uma queimadura ocular depende, não só da gravidade da lesão, mas também da rapidez com que o tratamento é instituído.

Tipos de queimaduras oculares:

  • Queimadura térmica

Causada pelo contato direto dos olhos com fontes de frio ou calor. Geralmente, lesam mais as pálpebras do que o globo ocular.

Como socorrer: lavar os olhos com água corrente e procurar um oftalmologista o mais rápido possível.

  • Queimadura química

Podem ocorrer tanto no ambiente de trabalho, para quem lida com produtos químicos, quanto em casa, geralmente através do descuido com algum produto de limpeza. Como medida de prevenção, os produtos de limpeza doméstica, fungicidas e pesticidas devem ficar fora do alcance das crianças e o contato das mãos com os olhos deve ser evitado. No ambiente de trabalho, os equipamentos de segurança devem ser usados sempre.

Como socorrer: os olhos devem ser lavados com água corrente, por pelo menos 20 minutos imediatamente após o contato com o produto químico. Em seguida, deve-se procurar um oftalmologista, se possível com o nome do produto que atingiu o olho.

  • Queimadura por solda elétrica:

Lidar com solda requer cuidado, pois fixar os olhos na luz produzida por ela sem o uso de óculos de proteção provoca uma queimadura que, apesar de não ser sentida de imediato, pode causar muito desconforto. Sensibilidade à luz, dor intensa, vermelhidão e lacrimejamento são sintomas que podem ser sentidos em até 12 horas após a exposição a este tipo de radiação.

Responsável: Dr. Ever Ernesto Caso Rodriguez| CRM-SP: 160.376

Confira essa e outras informações na nossa  página do Facebook.

31 DE MAIO – DIA MUNDIAL SEM TABACO!

Tabaco e doenças
Dia mundial sem tabaco

O Dia Mundial sem Tabaco, comemorado anualmente em 31 de maio, foi criado em 1987 pela Organização Mundial da Saúde (OMS), como um alerta sobre as doenças e mortes evitáveis relacionadas ao tabagismo.

O tabagismo mata 6 milhões de pessoas por ano, sendo a principal causa de morte evitável no mundo. Um dos melhores investimentos que podemos fazer para nossa saúde é largar ou, melhor ainda, evitar de fumar. E os nossos olhos agradecem. Afinal são mais de 4.700 toxinas presentes no cigarro que agem no olho por mecanismos isquêmicos e oxidativo. Mas não para por aí… a fumaça do cigarro é um irritante que piora os sintomas de olho seco não só para o fumante ativo mas para o passivo também.

Os malefícios do cigarro para o olho já são conhecidos há muito tempo. E quanto mais se fuma, maior a chance de se desenvolver Catarata, Degeneração macular relacionada a idade, Uveites (inflamação da parte dos olhos que acomete o trato uveal, que é composto pelo iris , corpo ciliar e coroide),  descompensando doenças reumatológicas como a doença de Crohn e aumentando a severidade de Artrite Reumatoide, doença de Graves ( doença autoimune que afeta a tiroide ), carcinoma de conjuntiva, e outros tipos de câncer, retinopatia diabética.

Responsável: Dr. Ever Ernesto Caso Rodriguez| CRM-SP: 160.376

Confira essa e outras informações na nossa  página do Facebook.

O GLAUCOMA É UMA DAS PRINCIPAIS CAUSAS DE CEGUEIRA NO MUNDO; PREVINA-SE!

Glaucoma e campo visual
Glaucoma e nervo óptico normal

A Organização Mundial de Saúde estimou que a prevalência de cegueira relacionada a todos os tipos de glaucoma foi de aproximadamente 8 milhões de pessoas, tornando o glaucoma a segunda principal causa de cegueira em todo o mundo (12,3%), atrás apenas da catarata com 47,8%.

É por esta razão que no dia 26 de maio foi realizada a campanha do “Dia Nacional do Combate ao Glaucoma” e várias cidades no Brasil iluminaram seus prédios históricos na cor verde. A iluminação nesta cor decorre da importância de lembrarmos à população sobre a prevenção desta grave doença ocular.

O glaucoma é uma doença do nervo óptico (nervo que leva informação do olho até o cérebro). Nesta doença o paciente perde o campo visual (visão periférica) pela morte das células do nervo óptico – causando o chamado “aumento da escavação” do nervo.

Ao contrário do que ocorre com outras causas de perda de visão, como a catarata, no caso do glaucoma a perda é irreversível.

Algumas pessoas correm um risco maior de desenvolver glaucoma e os fatores de risco incluem:

  • Nível elevado de pressão ocular
  • Aumento da idade
  • Histórico familiar de glaucoma
  • Ascendência africana, asiática ou etnia latina / hispânica
  • Córnea central mais fina (a parte frontal clara do olho que cobre a pupila e a íris colorida)
  • Pressão sanguínea baixa (fator de risco encontrado no glaucoma de pressão normal)
  • Diabetes mellitus tipo 2
  • Miopía
  • Mutações genéticas.

O glaucoma não apresenta sintomas perceptíveis em seus estágios iniciais, e a perda de visão progride gradualmente porem as pessoas não terão sintomas e somente perceberam alterações até estágios avançados. Daí a importância de visitar um oftalmologista regularmente e ter um diagnóstico precoce, alguns exames são necessários como: medida da pressão intraocular, o exame de fundo de olho e, quando necessário exame do campo visual e paquímetria (exame que possibilita fazer a medida da espessura central da córnea).

Glaucoma perda irreversível da visão
Glaucoma, tipos, fatores de risco, sintomas e tratamento

Lutar contra o glaucoma é um grande desafio. A doença não tem cura, mas pode ser tratada e evitar a perda da visão desde que seja descoberta o quanto antes. Os tratamentos com colírios costumam ser muito eficazes e controlam a maior parte dos casos, o que quer dizer que o glaucoma não continua progredindo. Quando o paciente não responde ao tratamento com colírio, se pode recorrer ao laser ou à cirurgia para diminuir o nível de pressão intraocular.

Na atualidade não existem tratamento para devolver a visão a estes pacientes. Prevenção é a única maneira de impedir a perda de visão no glaucoma. As recomendações da Academia Americana de Oftalmologia são que todos os adultos recebam um exame oftalmológico aos 40 anos e que os idosos com 65 anos ou mais façam um exame oftalmológico a cada um ou dois anos ou conforme indicado por seu oftalmologista.

Responsável: Dr. Ever Ernesto Caso Rodriguez| CRM-SP: 160.376

Confira essa e outras informações na nossa  página do Facebook.

 

Seja Bem Vindo!

A Clínica Eyeco nasceu com o intuito de oferecer um serviço de qualidade, sempre buscando estreitar os laços de proximidade com seus pacientes.

Nesse espaço você vai poder encontrar alguns artigos e orientações prestadas por nossos profissionais e ficar por dentro de todas as novidades tanto de nossa clínica como da área Oftalmológica .

Esperamos que goste!